Members Area

Recent Blog Entries

Recent Forum Posts

No recent posts

Webs Counter

Recent Videos

No recent videos
> > código ético

Uma Film Commission possui regras de funcionamento muito específicas, afectas a rigorosas obrigações éticas, de cujo cumprimento efectivo dependerá a sua integridade e credibilidade, essenciais ao seu desempenho.

Os deveres inscritos no nosso Código Ético aplicam-se a todos aqueles que desempenhem funções na Portugal Film Commission, seja como titulares de cargos ou como colaboradores fixos ou temporários. Os temporários que cessem funções continuam sob a alçada do Código Ético, até terminarem as produções com as quais colaboraram. 

1 . DEVER DE SIGILO - Garante a todos os intervenientes confidencialidade absoluta sobre os detalhes da sua produção. Vincula todos os funcionários a voto de confidencialidade sobre toda a informação adquirida na execução das suas tarefas, com especial destaque para dados que possuam dotes concorrenciais.

2. DEVER DE IMPARCIALIDADE E IGUALDADE - Cauciona equidistância a todos os interlocutores, atribuindo-lhes um tratamento justo e correcto sem qualquer discriminação. Devem os funcionários abster-se de emitir opiniões que possam de algum modo beneficiar uma entidade (individual ou colectiva) em detrimento de outra(s) nos projectos em curso.

3 - DEVER DE INTEGRIDADE, VERDADE E TRANSPARÊNCIA - Impõe que as relações com os utilizadores se baseiem na rectidão, na honestidade e clareza. Ser funcionário implica desempenhar as suas funções com lisura e honradez, actuar apenas com a verdade e ser claro nos procedimentos, não podendo aceitar de terceiros qualquer compensação, favor ou vantagem por acto praticado.

4 - DEVER DE LEGALIDADE - Reforça a obrigação de actuar sempre em conformidade com a lei. Cada funcionário deverá  interiorizar que em todas as suas decisões o cumprimento integral da lei impera sobre todas as outras sujeições.

                                                                               2000 - Lisboa, Oeiras, Santarém - " Os Capitães de Abril " de Maria de Medeiros